Gilmar dá mais 60 dias para Polícia Federal investigar Aécio

Fabio-Possebom-ABr

 

A pedido do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, concedeu mais 60 dias para a Polícia Federal investigar o senador Aécio Neves (PSDB) no caso Furnas.

O tucano é investigado por suposta corrupção passiva e lavagem de dinheiro. O inquérito contra o parlamentar mineiro é um dos oito junto ao STF, que envolve interferência em investigações, lavagem de dinheiro, caixa dois e o suposto recebimento de propinas.

O senador ainda tem contra si uma denúncia por corrupção passiva e obstrução de Justiça no caso JBS.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s