Associação Guanambiense de Bares e Restaurantes, revela que mais de cem pessoas já perderam emprego até o momento

Já são mais de 100 pessoas que infelizmente perderam seus empregos

A AGBR (ASSOCIAÇÃO GUANAMBIENSE DE BARES E RESTAURANTES) vem respeitosamente expor sua irresignação com as reiteradas medidas tomadas pelo Município de Guanambi em detrimento dos comerciantes de Restaurantes, Lanchonetes e Congêneres, a quem os gestores atribuem a responsabilidade da aglomeração e consequentemente a disseminação do COVID-19, de forma evidentemente equivocada, porquanto sem nenhum estudo científico a respaldar ou endossar tais medidas restritivas em relação a esse setor da economia Municipal.

Temos consciência da notória gravidade da situação Epidemiológica e não estamos indiferentes à esta delicada e melindrosa situação, contudo, acreditamos que a implementação de protocolos de biossegurança corresponde à alternativa menos gravosa e menos prejudicial em face do puro e simples fechamento (lockdown), protocolo este que inclusive vinha sendo seguido à risca por todos os nossos Associados, sobretudo com o uso da máscara, disponibilização e utilização do álcool em gel e do rigoroso controle de distanciamento social.

Faz-se necessário esclarecer que a modalidade do delivery equivale a apenas 20% do faturamento de qualquer comércio e que não se sustenta a longo prazo, no entanto, existem medidas alternativas além daquelas citadas acima, como o controle de temperatura dos clientes e aplicação de multa para os estabelecimentos ou clientes que descumprirem as normas de biossegurança implementadas ou impostas.

A AGBR não suporta mais ver empresas quebrarem ou virem à falência na cidade por não conseguirem honrar seus compromissos de aluguel, conta de água, energia, folhas salariais, inclusive tributos de toda ordem.

Como tem acontecido desde o início da pandemia COVID-19, já se ultrapassou a numeração centenária de pessoas que infeliz e lamentavelmente perderam seus empregos a par do que a essa situação aflitiva se vê acrescida à angustia da ação do Vírus com o próprio desemprego em sua vertente mais cruel e perversa, diante do que nossa Associação reforça coerentemente a importância do diálogo franco, aberto e amplo para implementação de outras providencias às medidas já propostas, evitando-se o radicalismo proveniente da ação extrema do lockdown, que fatalmente levará ao caos econômico a todos nossos Associados.

Associação Guanambiense de Bares e Restaurantes – AGBR.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s