Universitária guanambiense morre após superdosagem de remédios controlados

O fato aconteceu em sua residência, em Caetité

Na tarde desta quinta-feira (15), uma jovem de 21 anos interrompeu sua própria vida, após ingerir uma grande quantidade de remédios controlados. A guanambiense, Bruna Stefani Castro Alves, cursava Letras na Uneb, campus VI, em Caetité.

O fato aconteceu em sua residência, em Caetité, município localizado na região Sudoeste da Bahia. Momentos antes de ingerir os comprimidos de uso controlado, Bruna havia enviado áudios se despedindo das amigas da faculdade.

Estranhando a situação, as estudantes foram ao local, mas o apartamento estava todo fechado. Na ocasião, a porta foi arrombada e neste momento encontraram Bruna caída. Ela foi socorrida imediatamente pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), no entanto, a paciente sofreu uma parada cardiorrespiratória e não resistiu.

A universitária fazia uso constante de remédios por conta de um tratamento de depressão. Não há informações se ela já teria tentado suicídio em outras oportunidades. Os pais da jovem residem na fazenda Retiro, na região do distrito de Morrinhos. O horário do sepultamento será divulgado posteriormente . A falecida é sobrinha do vereador de Guanambi – Homero Castro.

A instituição emitiu Nota de Pesar compartilhando condolências à família. A direção também comunicou a suspensão das atividades acadêmico/administrativas no Campus nos dias 15 e 16 de abril. Nas Redes Sociais, diversos amigos da jovem manifestaram mensagens de solidariedade aos familiares.

Fonte:. Folha do Vale

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s