Salvador: Projeto de Fernanda Matos abordará temas ligados ao universo feminino

Continuar lendo “Salvador: Projeto de Fernanda Matos abordará temas ligados ao universo feminino”

Evento finaliza o Outubro Rosa

Na próxima quinta-feira (29), das 9h às 12h, a Faculdade Batista Brasileira irá realizar o Seminário Mulheres Extraordinárias, com temas centrais em alusão ao Outubro Rosa, campanha que alerta a sociedade sobre o diagnóstico precoce do câncer de mama. O evento será gratuito e aberto ao público.

O Seminário Mulheres Extraordinárias, faz parte de um projeto extensão macro – multiprofissional da Faculdade, com o objetivo principal de promover não somente a saúde da mulher, mas todo o potencial feminino no mundo atual, focado também na espiritualidade com abordagens na gestão da vida pessoa e profissional.

De acordo a coordenadora do curso de Enfermagem da Faculdade Batista Brasileira, Carina estrela, o evento se destina tanto ao público feminino quanto ao masculino.  “O câncer de mama não afeta unicamente as mulheres, ainda mais em um cenário de pandemia, no qual as possibilidades de transtornos emocionais são maiores. Por isso, traremos em nossa abordagem aspectos que contribuem para atenuar os problemas pessoais e profissionais que possam surgir  na trajetória do indivíduo ”, explica.

O Seminário será transmitido via you tube, os interessados podem participar, mediante inscrição no site 

Os certificados de participação só serão emitidos para aqueles que assinarem a lista de presença que ficará disponível no chat, no dia do evento. Na próxima quinta-feira (29), das 9h às 12h, a Faculdade Batista Brasileira irá realizar o Seminário Mulheres Extraordinárias, com temas centrais em alusão ao Outubro Rosa, campanha que alerta a sociedade sobre o diagnóstico precoce do câncer de mama. O evento será gratuito e aberto ao público.
O Seminário Mulheres Extraordinárias, faz parte de um projeto extensão macro – multiprofissional da Faculdade, com o objetivo principal de promover não somente a saúde da mulher, mas todo o potencial feminino no mundo atual, focado também na espiritualidade com abordagens na gestão da vida pessoa e profissional.


De acordo a coordenadora do curso de Enfermagem da Faculdade Batista Brasileira, Carina estrela, o evento se destina tanto ao público feminino quanto ao masculino.  “O câncer de mama não afeta unicamente as mulheres, ainda mais em um cenário de pandemia, no qual as possibilidades de transtornos emocionais são maiores. Por isso, traremos em nossa abordagem aspectos que contribuem para atenuar os problemas pessoais e profissionais que possam surgir  na trajetória do indivíduo ”, explica.


O Seminário será transmitido via you tube, os interessados podem participar, mediante inscrição no site www.fbb.br/fbb-ao-vivo/ . Os certificados de participação só serão emitidos para aqueles que assinarem a lista de presença que ficará disponível no chat, no dia do evento.

COMPARTILHE ISSO:

RÁDIO CULTURA ESTREIA PROJETO QUE VALORIZA OS BAIRROS

FB_IMG_1503315935655

 

Na última sexta-feira 18, a Rádio Cultura de Guanambi que  opera em frequência modulada 94.7 FM, estreou o Projeto  (EU AMO E VALORIZO O MEU BAIRRO).
Diante da preocupação e o carinho  que a equipe da rádio tem e sempre teve com a cidade de Guanambi, todos resolveram se juntar para semanalmente ir ao encontro dos moradores dos bairros do município para abrir o espaço para os moradores falarem as potencialidades e também reivindicarem serviços públicos caso necessite.
A estreia foi no bairro Beija – Flor, onde a equipe da Rádio Cultura, foi bem recebida durante todo o tempo que esteve presente. Os moradores além de ter tido liberdade para se expressarem, ganharam prêmios em forma de brindes, como kits com; camisa, copo, bonés da emissora. Caixas de chocolates cedidas pelo comércio local e  refrigerantes por meio de sorteios e brincadeiras.
Além dos sorteios, houve  distribuição de pipocas e doces para criançada.
Na próxima semana, outro bairro será contemplado com a visita da rádio que é a primeira da cidade também em preocupar com os habitantes de Guanambi.

 

Jamm Burgers comemora Dia Mundial do Hambúrguer com ação social voltada para crianças portadoras do vírus HIV

flyerJamm Real foto Lucas SilvaJAMM-REAL bO casal Jamil ACruz e Maira Medrado sócios da Jamm Burgers (54)

 

JAMM BURGERS PROMOVE O DIA REAL

A hamburgueria artesanal comemora o Dia Mundial do Hambúrguer com ação social voltada para crianças portadoras do vírus HIV

 

A Jamm Burgers vai celebrar o Dia Mundial do Hambúrguer (28/06), com duas ações sociais. No domingo, nas duas unidades (Rio Vermelho e Piatã) será realizado o projeto Dia Real. Todo valor arrecadado, nessa data, com a venda do burguer JAMM REAL (o carro-chefe do cardápio), será doado para o IBCM – Instituição Beneficente Conceição Macêdo. A segunda ação será realizada na segunda-feira, dia 29/05. Nesse dia, equipe e amigos da Jamm Burgers farão uma visita ao local e distribuirão hambúrgueres para as crianças e funcionários da instituição.
A Instituição Beneficente Conceição Macedo (IBCM), localizada no bairro de Pernambués, é uma organização sem fins lucrativos, que desde 1989 atua na prevenção do HIV/AIDS e apoia as pessoas empobrecidas que convivem com o vírus. Eles mantêm uma creche e vinte sete casas abrigo para famílias saídas da situação de rua.

 

Sobre a Jamm Burgers

O ponto forte da hamburgueria, é que tudo é feito artesanalmente, com todo cuidado, valorizando o hambúrguer e os acompanhamentos.  No cardápio, assinado pelo chef de cozinha e sócio da casa, Jamil ACruz, diversas opções de hambúrgueres artesanais, hot dogs gourmet, além dos acompanhamentos de fabricação própria. Outra especialidade da Jamm Burgers é a opção por queijos nacionais, dentre eles: o queijo reino, o catupiry, queijo meia cura e o queijo minas. Jamil pesquisou, estudou e viajou pelo Brasil em busca das melhores e mais atraentes inspirações em termos de sabor, suculência, tamanho e apresentação.

 

 

 

 

 

 

SERVIÇO

  • Jamm Burgers Piatã

Endereço: AV Otávio Mangabeira, QPIA 1,Lote 4, Piatã

  • Jamm Burgers Rio Vermelho

Endereço: Vila Caramuru (antigo Mercado do Peixe)

Rua da Paciência, Rio Vermelho, Salvador

Contato: (71) 3233-2323

 

Horário de funcionamento:

JAMM BURGERS – Piatã e Rio Vermelho (Vila Caramuru)

SEG 18 às 00:00h

TER e QUA: 18 às 23h

QUI: 18 às 02h

SEX: 18 às 04h

SÁB: 16 às 04h

DOM: 16 às 00h

 

JAMM BURGERS – REDES SOCIAIS

https://www.facebook.com/jammburgers/

Instagram: @jammburgers

Primeiro Café da Manhã da Solidariedade ocorreu em Guanambi 

Aconteceu hoje (terça-feira) dia 09 de maio de 2017, às 07:00 horas da manhã, na Choperia Prime na Av. Santos Dumont, o Primeiro Café da Manhã da Solidariedade do Projeto Social da Micks Telecom: Equipe Solidária #DoamosVida, em parceira com o HEMOBA, a Chopperia Prime e a CEO Inove – Consultoria Empresarial, com o objetivo de incentivar sua equipe que possui 51 (cinquenta e um) colaboradores a doarem sangue no município de Guanambi/BA.

A Assistente Social Milena Britto, fez uma palestra onde explanou o quanto é importante a doação de sangue, o que contempla o escopo do Projeto Social da Micks Telecom: Proporcionar a conscientização dos colaboradores para realização de doações periódicas para ajudar a manter o estoque de sangue do HEMOBA que passa por período de baixa, além de disseminar a cultura de doações da população e estimular outros empresários a fazer projetos que salvem vidas. Após a palestra foi servido um reforçado Café da Manhã, a equipe Micks Telecom será dividida em três blocos para triagem e coleta que será feita ao longo da semana para o HEMOBA

O HEMOBA funciona no Hospital Regional de Guanambi das 07:00 às 11:30 da manhã. Para tirar dúvidas sobre o processo de doação de sangue acesse: http://www.saude.ba.gov.br/hemoba/

Programa Primeiro Emprego busca jovens no interior da Bahia; veja relação

Através do programa Primeiro Emprego, o Governo do Estado está dando a oportunidade de diversos jovens entrarem para o mercado de trabalho. Aqueles que se formaram na rede estadual de Educação Profissional desde 2015 e obtiveram as melhores notas foram classificados em um ranking feito pela Secretaria da Educação do Estado.

Após a classificação por ordem de desempenho escolar, a coordenação do programa está buscando os jovens em diversos municípios para que eles possam ser encaminhados para seus postos de trabalho. Confira abaixo a lista dos convocados que devem comparecer ao posto do Sinebahia mais próximo a seu município, portando RG, Carteira de Trabalho e Comprovante de Residência.

A meta do programa é oferecer o primeiro emprego para nove mil jovens oriundos da rede estadual de Educação Profissional. São 4.500 vagas entre novembro de 2016 a novembro de 2017, e outras 4.500 entre novembro de 2017 e novembro de 2018, no setor público. A oportunidade pode surgir em secretarias e órgãos do governo estadual, ou ainda empresas públicas e privadas, parceiras do programa. Para mais informações, acesse o site do Primeiro Emprego (https://primeiroempregobahia.com.br/).


Relação de jovens por município

Salvador

Alagoinhas

Feira de Santana

Ilhéus

Eunápolis

Cruz das Almas

Jequié

Itabuna

Simões Filho

Gandu

Santo Antonio de Jesus

Vitória da Conquista

 

Parceria com Voluntárias Sociais garante segunda etapa da reforma no Martagão Gesteira

Segunda etapa das obras do Martagão Gesteira

Fotos: Pedro Moraes/GOVBASegunda etapa das obras do Martagão Gesteira

Fotos: Pedro Moraes/GOVBA

 

A segunda etapa das obras de requalificação do Hospital Martagão Gesteira, em Salvador, será iniciada na segunda-feira (3). O documento que garante o início das intervenções foi assinado nesta sexta-feira (31), em solenidade que reuniu a primeira-dama do Estado e Presidente das Voluntárias Sociais da Bahia (VSBA), Aline Peixoto, o Presidente da Liga Álvaro Bahia, Carlos Emanuel Rocha, além de representantes da unidade hospitalar. O valor de R$ 2,7 milhões, investido nas obras, foi arrecadado através de um show beneficente da cantora Ivete Sangalo, realizado em novembro do ano passado, e um convênio assinado com a Secretária da Saúde do Estado (Sesab).

 

O hospital vai receber 44 novos leitos na área de atendimento oncológico, um aumento de mais de  100% em relação à atual capacidade de atendimento. Dois deles serão utilizados para o transplante de medula óssea, que ainda não é realizado na faixa etária pediátrica no estado da Bahia.

 

Os colaboradores também poderão contar com mais locais de apoio, incluindo sala de estar e espaço para videoconferências para capacitação dos profissionais e melhoria na qualidade da prestação de serviço oferecida aos pacientes.

 

De acordo com Carlos Emanuel Rocha, presidente da Liga Álvaro Bahia, instituição filantrópica responsável pela administração do Martagão, a obra vai beneficiar todo o estado. “Pretendemos entregar esta obra até o final deste ano. A nossa área de oncologia pediátrica, que já é a maior do estado, vai avançar ainda mais. Estaremos aptos a fazer transplantes de medula óssea com toda a estrutura necessária. A partir desta requalificação vamos nos tornar um centro de referência não apenas na Bahia como em todo o nordeste e vamos receber crianças de todo o Brasil”.

 

Primeira etapa

 

A primeira parte das obras, a UTI Ivete Sangalo, entregue em setembro do ano passado, contou com mais de um milhão de reais de investimento. A unidade facilita a assistência de alta complexidade para crianças e adolescentes “Os resultados tem sido muito positivos, tem beneficiado muitas crianças. Nós atendemos diariamente, temos 10 leitos em funcionamento. São cerca de 40 crianças ao mês em diversas especialidades, inclusive fazemos cirurgias cardíacas e acompanhamento pós-operatório”.

 

 

Fotos: Pedro Moraes/GOVBA

Estudantes de 43 municípios baianos aprenderão sobre empreendedorismo

Estudantes de 43 municípios baianos aprenderão mais sobre empreendedorismo em sala de aula. As cidades foram selecionadas a partir de edital do projeto Jovens Empreendedores Primeiros Passos (JEPP), do Sebrae, que levará a metodologia de incentivo a comportamentos empreendedores a alunos do 1º ao 9º ano do Ensino Fundamental, já a partir do segundo semestre de 2017. Implantado desde 2014 em escolas, o JEPP já impactou cerca de 48 mil estudantes em toda a Bahia.

A metodologia inclui linguagem e abordagem específicas para a idade do aluno, com diferentes temas que serão trabalhados a cada ano. Para isso, os professores que atuarão na implantação do projeto nas escolas participantes serão capacitados pelo Sebrae, a partir de abril. “A expectativa é de que 25 mil alunos sejam impactados”, explica Letícia Carvalho, gestora do JEPP no Sebrae Bahia.

O JEPP incentiva comportamentos empreendedores entre os alunos, estimulando o protagonismo e a iniciativa. A metodologia explora possibilidades de inserção no mercado, ampliando o entendimento sobre a criação de negócios próprios. “Esperamos que a cultura empreendedora seja disseminada entre os alunos, de modo a despertar e fortalecer o espírito empreendedor”, conta Letícia. “Esse é o resultado que esperamos, crianças e adolescentes sendo preparados para o mundo do trabalho e para a vida desde o primeiro ano do Ensino Fundamental. É a nossa importante parcela neste desafio que é educar”, completa.

As Secretarias Municipais de Educação de cada um dos municípios selecionados inscreveram até duas instituições para terem o JEPP implantado em seu ensino. Os alunos participarão das atividades com a metodologia nos segundos semestres letivos de 2017 e 2018. Confira quais foram os 43 municípios selecionados pelo edital.

Centro de Referência atende gratuitamente pacientes com autismo

1490977400310317EC_183_Site

 

Inaugurado em novembro do ano passado, o Centro de Referência Estadual para Pessoas com Transtorno do Espectro Autista (CRE-TEA) – Novo Mundo já realizou mais de 2 mil atendimentos. A unidade, gerida pela Liga Álvaro Bahia Contra a Mortalidade Infantil, atende gratuitamente 200 pacientes por mês em especialidades como fisioterapia, fonoaudiologia, nutrição, musicoterapia, psicologia, psicopedagogia e terapia ocupacional.

 

A instituição é referência no Sistema Único de Saúde (SUS) para a assistência especializada e interdisciplinar aos pacientes autistas de todo o estado e conta com uma equipe multiprofissional.  “Não existe limite de idade para o paciente ser atendido no centro. Aqui temos uma equipe especializada e todos os equipamentos necessários para garantir atendimento pleno ao paciente”, explica a diretora técnica da unidade, Adriana Cardoso.

 

Aos 7 anos, Henrique foi o primeiro paciente da unidade. Sempre acompanhado pela avó, Sueli Luz, o garoto já apresenta evolução no tratamento. De acordo com Sueli, a oferta dos serviços gratuitos é importante para a garantia do acompanhamento médico. “A equipe é maravilhosa. O acolhimento e a atenção são fundamentais para o desenvolvimento do Henrique. Além disto, o fato de ser gratuito ajuda muita gente, pois esses serviços são muito caros na iniciativa privada”, ressalta.

 

O autismo é uma disfunção que afeta a capacidade de comunicação e altera o comportamento do indivíduo, como a forma que estabelece relacionamentos. A condição atinge cerca de 70 milhões de pessoas em todo o mundo. Os agendamentos no Centro podem ser feitos através do telefone 71 3336-6147, de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h. No momento da consulta, é necessário apresentar os seguintes documentos: certidão de nascimento ou registro de identidade, comprovante de endereço, cartão SUS, documento de identidade dos pais e/ou responsáveis.

 

 

Fotos: Elói Corrêa/GOVBA

Educação profissional transforma mercado de trabalho em Salvador

Governo do Estado investe em educação profissional
A educação profissional proporcionada pelo Governo do Estado está transformando o mercado de trabalho em Salvador, que completou 468 anos na quarta-feira (29). Mais de 15,7 mil estudantes estão matriculados na rede de educação profissional na capital baiana. Eles recebem capacitação em unidades como o Centro Estadual de Educação Profissional (Ceep) Carlos Correa de Menezes Sant’Ana, localizado no Nordeste de Amaralina.
O centro oferece cursos profissionalizantes nas áreas de Análises Clinicas, Nutrição e Dietética, Enfermagem, Segurança do Trabalho e Informática. Rafaela Soares, 18 anos, é aluna do quarto ano de informática no Ceep. Para ela, a cidade melhora com os jovens tendo acesso às oportunidades.
“Claro que a educação profissional ajuda a transformar Salvador. Quando um jovem é introduzido no mercado de trabalho, ele aprende a respeitar as diferenças, transformando a sociedade. Ele vai se afastar da violência e da droga, porque já vai estar em uma posição melhor na sociedade. Isso é muito bom para a cidade”, afirma a estudante.
Rafaela faz estágio há sete meses em um órgão público. Segundo ela, o curso e o estágio proporcionam mais que o conhecimento em informática. “Aprendi a respeitar as pessoas, pois tenho muito contato com o público. Eu não vou sair do colégio sem conhecimento e sem uma estrutura. Hoje eu sou estruturada, meus professores me ensinaram a como me comportar no mercado de trabalho. O exemplo deles foi bom para mim”.
Ensino integrado 
O coordenador de estágio e vice-diretor do Ceep, Luiz Henrique de Souza Teixeira, destaca que a maior parte dos alunos da unidade faz o nível médio integrado a um curso técnico. “No final, eles já saem com habilitação para nível médio e para serem profissionais”. Para atuar profissionalmente, além de concluir o curso técnico, o estudante precisa se submeter ao período de estágio ofertado pelas instituições públicas e privadas conveniadas com a escola. “Temos uma aluna que se formou técnica em enfermagem há quatro anos e hoje é responsável pelo setor de hemodiálise no Hospital Roberto Santos”.
O Ceep Carlos Correa oferece duas modalidades de educação profissional. A Educação Profissional Integrada (EPI) contempla cursos técnicos integrados ao ensino médio, com duração de quatro anos. Já o Subsequente (Prosub), com duração de dois anos, é voltado para quem já concluiu o ensino médio e volta à escola para fazer a formação profissional.
Estrutura 
Segundo Luiz Henrique, o Ceep oferece todos os laboratórios necessários para a parte prática. “Temos dois laboratórios de informática, um de enfermagem, outro de análise clínica e uma cozinha para o curso de nutrição. Cumprimos todos os pré-requisitos para que as habilidades técnicas deles sejam treinadas”.
Aos 50 anos, Alberto de Souza concluiu o curso de dois anos, pois já tinha o ensino médio completo, e agora faz estágio. Ele acredita que o conhecimento técnico abre oportunidades de trabalho na área de informática. “Atualmente, eu trabalho na área de restaurantes, mas pretendo passar para a área técnica, a princípio nos horários disponíveis. O conhecimento transforma as pessoas e é tudo na vida do cidadão. Muitas vezes as oportunidades aparecem e não podemos segurar por falta de conhecimento. Se não fosse o curso técnico público, precisaríamos pagar para fazer. Mas, no Estado, a gente consegue esses cursos gratuitos”.
 

Fotos: Alberto Coutinho/GOVBA